Sobre G. Moretti

Nova GMoretti

Primeiramente, obrigado por visitar meu blog!

Se você tiver paciência, permita-me contar um pouco sobre mim, sobre meu livro e sobre a FEETMAG…

Nasci em Curitiba em 1976 e, ao completar 22 anos em 1998, ainda enquanto estudante universitário, resolvi escrever a respeito de um assunto inusitado na época: a paixão dos homens pelos pezinhos femininos. Por quê? Justamente porque desde a minha mais tenra infância, sempre fui um inveterado apaixonado pelos pés femininos, mas não encontrava na mídia absolutamente nenhum material que pudesse satisfazer minha ânsia por contemplar a beleza desta parte do corpo da mulher. Este trabalho despretensioso — nem eu acreditava que iria publicá-lo — culminou na publicação independente do livro “Tesão por Pés – A Realidade de um Gosto Excêntrico”.

Obra pioneira sobre o tema na linha editorial brasileira, foi fruto de muita dedicação pelo assunto e, logicamente, da paixão pelo próprio objeto de estudo: esses maravilhosos pés femininos que encantam os chamados “podólatras”. Aliás, os termos “podolatria” ou “podólatra”, usados para designar, respectivamente, a prática da adoração dos pés e a pessoa que é simpatizante dessa prática, nem existiam nos dicionários. Adotá-los no livro, sem quase nada escrito sobre o tema que pudesse garantir sua etimologia, foi uma decisão arriscada. Mas deu certo, pois hoje são amplamente utilizados pelas pessoas envolvidas com o assunto.

Para concluir o livro, tive que mergulhar num mundo até então desconhecido por muitos, pois existiam muito poucas fontes bibliográficas a respeito. A Internet, ainda por cima, era apenas uma criança. Lembro-me de que quando criei o site FEETMAG (abreviação de Feet Magazine ou Revista dos Pés), com o intuito de comercializar independentemente o livro, ele foi um dos primeiros endereços eletrônicos no mundo relativos ao tema.

Minha intenção com o livro e com este blog nunca foi a de esgotar o assunto, mesmo porque isto seria uma tarefa impossível. Contudo, a publicação pioneira dos meus estudos e reflexões foi, sem dúvida, um pontapé inicial para que o tema fosse respeitado e levado a sério nos dias de hoje, em que pese a ampla e inestimável ajuda da Internet. Não é à toa que, hoje, muitas pessoas estão descobrindo a infinidade de prazeres que a podolatria pode lhes proporcionar. Acredito que se aproveitarmos todo o potencial erógeno, erótico e sedutor que os pés femininos nos reservam, a sexualidade possa ser melhor explorada entre os amantes, que encontrarão uma forma a mais de atingir a verdadeira transcendência espiritual por meio de suas relações.

Só a partir de 2013 o site FEETMAG deixou de ser unicamente um meio de comercialização independente do livro, para se transformar no blog que hoje você lê. Este é um sonho concretizado, pois amo escrever! Especialmente sobre pezinhos, sapatos, sandálias, meias e suas encantadoras donas…

Atualmente, poucas pessoas se dedicam à leitura, até mesmo quando se trata de temas que muito as interessam. Mas se você chegou até aqui, é porque provavelmente gosta de imergir neste assunto. Então, sinta-se em casa, faça um bom café, coloque os pés para cima e viaje comigo nesta jornada, não apenas sobre pés femininos, mas, sobretudo, sobre a divina beleza da mulher como um todo.

G. MORETTI

* Salvo quando explicitamente mencionada autoria diferente, todos os textos publicados neste blog são escritos por mim e protegidos pelas leis de direito autoral. Podem ser compartilhados, desde que citada a autoria e a fonte (o endereço eletrônico de onde o texto foi retirado – feetmag.com.br).